Alunos do curso técnico em Portos da Novo Milênio visitam o terminal de Capuaba

(Divulgação)

Acompanhados pelo professor Ricardo Mota, os alunos Isaac Coutinho e Lays Ferraz, do curso técnico em Portos do Centro Técnico Novo Milênio, fizeram, na última quinta-feira (15), uma visita técnica ao Terminal Portuário de Capuaba (Vila Velha), que faz parte do Porto de Vitória.

Na visita, os estudantes puderam presenciar, na prática, um pouco da rotina comum a muitos portos, como o trânsito de veículos, controles de portaria e movimentação de carga nos costados dos navios.

Eles ainda tiveram a oportunidade de subirem a bordo do navio mercante Nordloire, de bandeira panamenha, e viram de perto as principais partes estruturais de uma embarcação, seus equipamentos de amarração e de carga e descarga, assistindo ao vivo a uma operação de descarga de trigo com uso de grab para caminhões, a partir de um dos porões do navio.

Segundo Isaac, a visita foi muito importante pois proporcionou ver, pessoalmente, o que estavam aprendendo só na teoria.

“Deu para ver melhor como é o funcionamento do porto, sua operação, como os funcionários trabalham lá, os equipamentos, como é a estrutura do navio, etc. Muito bom ver a prática da teoria”.

A mesma opinião também foi compartilhada por Lays.

“A vista foi muito boa e proveitosa, vimos de perto o que só estudamos na teoria, o funcionamento do porto, questões de segurança, etc. Foi interessante também subir a bordo de um navio, ver as operações e o funcionamento dos equipamentos”.

O professor Ricardo reforçou a importância de os alunos saírem de sala de aula e sentirem o que é trabalhar em um porto.

“A visita foi muito proveitosa. Os alunos perceberam também pelos sentidos o que é trabalhar no porto. Achei muito positiva a percepção de risco e do senso de segurança do trabalho deles, especialmente pelos cuidados que tiveram ao caminhar pelo cais e subirem a bordo”.

1 comentário em “Alunos do curso técnico em Portos da Novo Milênio visitam o terminal de Capuaba

  1. Luciana frança de oliveira Responder

    Agradeço por essa iniciativa pois nossos filhos gostam da parte teórica mas a prática agrega muito ao aprendizado deles.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *